Carro usado em alta e a relação entre a pandemia e o mercado automotivo

Crescimento do mercado de seminovos revela nova tendência de compra causada pela crise.

Você comprou carro seminovo durante a pandemia? Ou conhece alguém que comprou? Você não é o único. Segundo dados da Fenabrave (Federação Nacional de Veículos Automotores), houve um aumento de 15,1% nas vendas de carros usados no mês de fevereiro, em comparação ao mesmo período do ano passado. Esse panorama está diretamente relacionado à pandemia.

Com o advento do home office, algumas coisas que antes eram consideradas supérfluas, para a maioria das pessoas, se tornaram de primordial importância. Decoração de casas, móveis e até espaços de home office, se tornaram o foco e motivo de corrida para lojas e compras online. Esse senso de urgência, positivamente, afetou o mercado de carros usados.

O aumento dos casos de covid-19, restrições mais severas e até o lockdown, fizeram com que o automóvel particular se tornasse uma compra ainda mais essencial. Para evitar o uso de meios de transporte coletivo e visando uma melhor segurança sanitária, o mercado de usados foi impulsionado. No último mês de fevereiro, segundo a Fenabrave, foram negociados cerca de 876.306 veículos de passeio e comerciais leves, contra 761.333 no mesmo período do ano passado.

Por outro lado. Com a crise econômica, causada pela pandemia, o mercado consumidor viu na venda de usado uma possibilidade de alívio financeiro ou de corte de gastos. Essa questão não se restringe a quem estava enfrentando problemas financeiros. Em alguns casos a injeção de seminovos no mercado, possibilitou a troca de modelo, pois com o dinheiro da venda pôde adquirir um seminovo com mais tecnologia, conforto ou diferenciais.

Até o final de 2021, a previsão dos bancos é que o mercado de usados siga crescendo e ultrapasse o de carros zero. Um fator determinante é a falta de abastecimento de peças nas principais montadoras, também, devido às restrições de locomoção causadas pela crise sanitária.

Para o Itaú, baseado na projeção da Fenabrave, a expectativa é de um crescimento de 20% para vendas de veículos usados. Em contramão, o mercado de carros zero km tem previsão de crescimento menor, apenas 16%.

E aí, tá a muito tempo namorando aquele seminovo? Talvez, esse seja o momento de realizar essa tão sonhada compra. A Azul é referência em usados, seminovos, com as melhores condições na hora da venda e da compra.

Azul é a cor da confiança!

Share: